Share this post:

Um dos factores mais gratificantes de ser um anfitrião do Airbnb (além dos benefícios para sua conta bancária) é conhecer pessoas de culturas diferentes. Receber hóspedes de todos os cantos do mundo é ter oportunidade de aprender novas línguas, descobrir tradições únicas, e talvez até mesmo provar novos pratos exóticos. No entanto, pode haver alguns desafios quando abre as suas portas a estranhos.

 

O que pode correr mal?

Muitos anfitriões do Airbnb são bastante viajados e alguns até viveram e trabalharam no estrangeiro, convivendo com diferentes culturas, mas se o anfitrião nunca esteve numa situação de confronto cultural, pode não se aperceber do impacto na sua casa. Há todo tipo de situações que podem acontecer quando se juntam mais de uma cultura numa casa: Assentos de sanitas partidas, cheiros estranhos vindos do quarto, produtos de origem animal cozinhados na sua cozinha que podem ser ofensivos, rituais que podem interferir o funcionamento da sua casa, ou até objectos na casa que possam ofender os sues hóspedes, dependendo da sua religião.

Pode haver desafios quando abre as suas portas a estranhos, mas com a atitude certa, os benefícios compensam.

 

Um sorriso vale mil palavras

Um sorriso vale mil palavras. Fotografia: Airbnb

Um sorriso vale mil palavras

O que faz quando alguém chega e não fala uma palavra de português ou inglês que começa a exigir coisas e a ficar angustiado? Respire fundo… e sorria! Podem não se entender um ao outro e pode haver problemas que causam preocupação, mas um sorriso pode ajudar muito a aliviar a situação e a comprar algum tempo até descobrir uma solução.

 

Lost in Translation - Anfitrião usa o google translator para falar com hóspedes

Encontre ajuda on-line

O Google Tradutor é seu amigo. Às vezes. Dependendo dos idiomas que deseja traduzir e do tópico, este serviço da Google pode ser extremamente útil para lidar com problemas de comunicação entre si e o seu hóspede. Simplesmente escreva o que quer dizer e escolha a língua para a qual deseja traduzir. Há uma variedade de aplicações, com amostras de áudio de frases e palavras para ajudá-lo a sair de situações complicadas. Muitos anfitriões encontram-se online para trocar histórias e partilhar conselhos, de certeza que o problema que tem, outro hóspede também já teve e há algures na internet algo escrito sobre isso, seja um blog post, um artigo ou até um vídeo no youtube.

 

Anfitrião coloca post its na sua propriedade para informações a hóspedes

Prepare-se antes do tempo

Alguns anfitriões farão o esforço de aprender saudações simples noutros idiomas, com o intuito de fazer com que os hóspedes se sintam bem-vindos e algumas frases básicas que podem úteis durante a estadia dos hóspedes. Se recebe frequentemente hóspedes de uma determinada nação e não fala o idioma, vale sempre a pena pagar um profissional para traduzir as suas regras da casa. Além disso, considere ter sinais em diferentes línguas na casa (obviamente, não quer uma sinalização que seja visualmente intrusiva, mas um post-it-note na casa de banho pode ser útil) para oferecer sugestões sobre como usar determinados aparelhos elétricos.

 

Anfitrião de alojamento usa linguagem gestual para expressar-se a hóspede

Domine a arte de falar com as mãos

Mesmo se se esforçar para traduzir as regras da sua casa para vários idiomas, haverá problemas de comunicação que exigirá que se explique com as mãos e muitos desenhos no ar. Em vez de ficar frustrado, recomendamos que olhe para estes momentos como uma oportunidade de se divertir. Sim, estão confusos. Sim, o Google Tradutor está a deixá-lo mal. Mas se conseguir empenhar-se nesta explicação mais “rudimentar” provavelmente vai chegar ao fundo da questão e resolver o assunto.

 

Gaste dinheiro se isso ajudar

Se der por si numa situação de incompreensão intercultural, considere investir num tradutor. Será dinheiro bem gasto, pois provavelmente aprenderá algo que ajudará com futuros hóspedes. Prepare uma lista de tradutores disponíveis na sua área e que estejam disponíveis em caso de emergências.

 

Anfitrião de alojamento local investe em cursos culturais para dominar as interacções com hóspedes estrangeiros

Cursos Culturais

Adicionalmente a perceber a língua, recomendamos que o anfitrião faça alguma pesquisa sobre a cultura dos hóspedes antes da sua chegada – especialmente se for receber muitos visitantes de uma determinada região do mundo. Se perceber que recebe cada vez mais reservas de viajantes chineses, faça algumas pesquisas para se preparar melhor para a sua chegada e para saber o que esperar em relação a barreiras culturais.

 

Torne a sua vida mais fácil

Pode ser assustador tentar preparar-se para novos hóspedes. A boa notícia é que a GuestReady tem uma equipa de profissionais altamente experientes em Alojamento Local que podem ajudar a organizar tudo, como traduzir as regras da sua casa. A nossa equipa multicultural também fala vários idiomas e terá todo prazer em ajuda-lo a torná-lo um anfitrião internacional.

Share this post: